Switches, elementos fundamentais para comunicação entre dispositivos de IIoT e nos projetos e sistemas voltados para a Indústria 4.0

Utilizados nas mais diversas aplicações os switches são equipamentos capazes de conectar computadores, CLPs, equipamentos de campo, impressoras, enfim, quaisquer dispositivos que se comuniquem em rede Ethernet. Existem os switches "de mesa" e os "industriais".

Os "switches de mesa" são para aplicações como escritórios e para aplicações residenciais, ou seja, aplicações onde o uso é mais simples e tem menos riscos de exposição ao clima e outros fatores existentes em ambientes industriais.

Já os switches "industriais" são mais utilizados dentro das fábricas, onde eles tem maior exigência em relação a temperatura, vibração, umidade, pó, etc., além de terem mais flexibilidade em relação a instalação, podendo ser feita em painéis ou trilhos do tipo 'DIN'.

Para esses dois tipos de switches existem os gerenciáveis e os não-gerenciáveis.
Os switches gerenciáveis garantem uma melhor proteção da rede pois permitem configurar e gerenciar uma LAN (Local Area Network ou rede local), podendo configurar quem acessa a rede e controlar o fluxo de dados dessa rede
Já os switches não-gerenciáveis são os mais utilizados, eles são muito eficientes para aplicações simples e que não exigem uma configuração de rede.

Nas fotos abaixo, seguem dois exemplos de switches industriais não-gerenciáveis da Lapp, o primeiro com 5 portas (podendo conectar até 5 dispositivos) e o segundo com 8 portas (podendo conectar até 8 dispositivos)

Deixe um comentário